Visitantes

1 de agosto de 2012

Deslembrança.
















Intimamente...
A tua lembrança ainda me prende;
Sejam em sonhos ou por saudades
Quase morro por esta vontade eloquente...

Meu desejo por teus beijos;
Teus beijos que me faz delirar...
Nosso amor que vai e volta;
Torna e retorna ao mesmo lugar.

Mexe tanto com a gente;
Que a gente não entende e não consegue explicar...
A vida vem e surpreende
O que a distancia não consegue deslembrar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os textos são autoria de Giliardi Rodrigues. Proibida a reprodução de qualquer texto sem prévia autorização do autor.

Leia mais

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...