Visitantes

13 de agosto de 2013

Meu nome é saudade




Meu nome é saudade
Meu sobrenome é desejo
Vim de uma terra chamada vontade
Para lhe dar um beijo

Sou amante do prazer
Sou mistério na tua imaginação
Meu oficio é preencher
O vazio do teu coração

Trago nas mãos carinho
No meu peito muito calor
Minha sina é caminhar sozinho
Realizando sonhos de amor

Conheço bem a vida
Tenho o dom de compor sentimento
Sei bem que ainda
Moro no teu coração e no teu pensamento

Sou homem de alma e coração
Não tenho futuro e nem passado
Vivo o presente da condição
De ser feliz agora ao teu lado

Se vier, não tem como voltar
Terá que abandonar tudo
Uma nova vida vai gozar
E conhecer um novo mundo







Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os textos são autoria de Giliardi Rodrigues. Proibida a reprodução de qualquer texto sem prévia autorização do autor.

Leia mais

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...