Visitantes

3 de novembro de 2013

Diga-me



Diga-me se ainda posso te ligar, fazer travessuras no seu quarto, cometer pecados com sua saliva, degustar teus mamilos e fazer dos teus ciúmes meu sentimento mais sublime.

Diga-me se ainda posso te buscar, morder as pontas dos teus dedos, ficar brincando com teu nariz, te arrastar pelos os cabelos e colocar uma aliança na tua mão esquerda.


Diga-me se ainda posso abusar da tua paciência, ficar fingindo de doente para você cuidar de mim,    
sairmos para tomar açaí nas tardes de domingo 
                  e depois deitarmos juntos. 








Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os textos são autoria de Giliardi Rodrigues. Proibida a reprodução de qualquer texto sem prévia autorização do autor.

Leia mais

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...