Visitantes

25 de julho de 2014

Espartano




Por agora nada de lamento, de sentimento, de amor, de afeto ou apego. Coisa nenhuma de distração, de anseio, de cumplicidade, contrapeso ou qualquer outra coisa do gênero.

Quero apenas uma espada e um alvará para caminhar rumo ao meu destino.

A razão da vida é o sacrifico (do nascimento à morte), resta apenas saber a causa que mantém as batidas do coração e a razão pela qual ele um dia vai parar. Algumas coisas parece não fazer sentido, mas os sonhos e a intuição sempre falam mais alto. Na verdade, a fraqueza é uma válvula de escape para se acovardar das adversidades da vida. Mas a coragem é o combustível que nos impulsiona a acreditar que no fim tudo vai dá certo e fazer sentido.

Era uma vez,
Um semblante baixo, um sorriso de canto, uma barba mal feita e uma lagrima de sangue escarlate escorrendo sobre uma face ressecada pelo o sol. Os braços cansados, mas ainda fortes o suficiente para lutar contra uma alcateia de leões.

Não é um conto de fadas (não mesmo);

É a sina de homem que o tempo não conseguiu mudar, sempre guardou seus princípios como se protege o mais precioso diamante. Valores e princípios são inegociáveis. A verdade é um medalhão estampado com orgulho no peito, por esta causa ele não se apega, não chora e não se entrega.










Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os textos são autoria de Giliardi Rodrigues. Proibida a reprodução de qualquer texto sem prévia autorização do autor.

Leia mais

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...