Visitantes

12 de janeiro de 2015

Talvez não

O caminho que caminha agora já caminhei anos atrás. Talvez chegue aonde cheguei; talvez não. Talvez se estagne e fique caminhando pelo o resto dos seus dias; talvez não. Talvez seja mais audacioso e ambicioso e me supere; talvez não. Talvez se perca pelos os labirintos da vida ou se afunde nas areias movediças do pântano da decepção; talvez não. Talvez seja apenas uma possibilidade entre tantas.

Caminhe o seu caminho e não siga meu rastro.

Seja você, seja autentico, seja original ou talvez não.


@opoetta, 2015. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os textos são autoria de Giliardi Rodrigues. Proibida a reprodução de qualquer texto sem prévia autorização do autor.

Leia mais

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...