Visitantes

10 de julho de 2015

Apenas olho.



Apenas olho
E não penso em nada,
Apenas olho
E deixo o tempo passar,
Apenas olho
Como quem não quer nada,
Apenas olho
E observo de perto com olhar distante,
Apenas olho
Sem pretensões e segundas intenções,
Apenas olho
Porque olhar não fere, não mata e não faz feridas.









Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os textos são autoria de Giliardi Rodrigues. Proibida a reprodução de qualquer texto sem prévia autorização do autor.

Leia mais

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...