Visitantes

5 de setembro de 2012

Do primeiro beijo ao ultimo abraço.




Minha vida, meu amor,
Minha razão de viver e existir...
Torno-me ao pó para um dia ressuscitar ao teu lado.
Se um dia não regressar (chorarei amargamente),
Recairei de saudades clamando por teu nome,
Bradarei ao silencio a cada por do sol as memórias que partem e repartem meu coração.
Foram milhões e milhões de beijos e promessas escritas em nossa estória,
Estará tatuado no tempo;
Perpetuado em nossos corações cada amor que fizemos
E vivemos completamente unidos um ao outro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Todos os textos são autoria de Giliardi Rodrigues. Proibida a reprodução de qualquer texto sem prévia autorização do autor.

Leia mais

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...